Lotogipo - www.soplaar.com - Rede social de conhecimento e cultura
Seja bem-vindo Administrativo - Soplaar Quero me cadastrar   -    Esqueci senha
Email
 
 









Página Literária - Espaço do Leitor


Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 1
Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto
Autor:
Luiz Thadeu Azedias Pinheiro (luizhazediaz)
Código texto: 116 - Versos Intimos

Vês! Ninguém assistiu ao formidável
Enterro de tua última quimera.
Somente a Ingratidão – esta pantera –
Foi tua companheira inseparável!

Acostuma-te à lama que te espera!
O Homem, que, nesta terra miserável,
Mora entre feras, sente inevitável
Necessidade de também ser fera.

Toma um fósforo. Acende teu cigarro!
O beijo, amigo, é a véspera do escarro,
A mão que afaga é a mesma que apedreja.

Se a alguém causa inda pena a tua chaga,
Apedreja essa mão vil que te afaga,
Escarra nessa boca que te beija!


Augusto dos Anjos

Publicado no site: www.soplaar.com em 22/11/2015
Código do Texto: 116

Total de visualização: 614


Comente esse texto:


Digite o código de validação!

Texto
Data
Total Visualização
Total Votos
Amor de Cão
24/10/2015
360
6
Convivência
22/11/2015
649
1
Versos Intimos
22/11/2015
614
1